NewsLetter:
 
Pesquisa:

Como foi: 24º Prêmio Angelo Agostini (SP)
Por Anita Costa Prado*
19/02/2008

Quadrinhos Sabor Brasil

Anita Costa Prado e Laudo (clique para ampliar - foto: Marcia Uehara)

A vigésima quarta edição do Prêmio Angelo Agostini de Quadrinhos (divulgado aqui), que aconteceu no sábado passado (16), mostrou o vigor da produção nacional, mesmo diante das dificuldades.A exibição do filme Piconzé de Yppe Nakashima e a palestra com Itsuo Nakashima, deram início a uma tarde festiva: o pessoal jovem e dinâmico, responsável pelo Melhor Lançamento (Menino Caranguejo), onde os Quadrinhos são veículos para questões ambientais, veio de Joinville (SC) para receber o prêmio justo. Laudo Ferreira Junior, cujo talento é indiscutível, além de receber o troféu de Melhor Desenhista, participou da palestra Da Literatura aos Quadrinhos, com Bira Dantas, acompanhado de sua gaita e Marcatti (a fera que dispensa apresentações).

O showman Marcio Baraldi, de cartola e óculos chamativo, foi um dos mais animados, também desempenhando a função de entrevistador. Worney de Souza, que anualmente se desdobra para fazer uma programação interessante, no palco foi o costumeiro apresentador bem humorado. Vale ressaltar a entrega de medalhas aos mestres que durante décadas contribuíram com seu talento, para o universo oscilante dos Quadrinhos. A velha guarda foi merecidamente aplaudida e reverenciada. O pessoal do Quarto Mundo lançou seu informativo e está mostrando que um coletivo de quadrinhistas independentes tem condições reais de crescimento. Sergio Chaves foi a ausência sentida mas seu Justiça Eterna ganhou pela segunda vez consecutiva, como Melhor Fanzine.

O evento do ano passado foi  favorável para quem queria vender suas publicações, pois haviam mesas, onde revistas, fanzines, gibis e livros foram comercializados durante a programação. Este ano, no entanto, sem mesas e banners, ficou algo informal e, sem dúvida, prejudicial mas... enfim... o SENAC cedeu suas dependências... Camisetas foram um ítem a ser observado como “banner de vestir”: o pessoal do Quarto Mundo, de vermelho; a equipe do Menino Caranguejo de verde e minhas convidadas, com camisetas brancas e pretas, com estampa desenhada pelo Ronaldo Mendes e arte da ACIG Designer.

Em suma, foi uma tarde inesquecível, graças a iniciativa do Worney, à frente da AQC (Associação de Quadrinhistas e Caricaturistas - Est. SP) e a todos que de alguma forma participaram. Eu, voltei para casa com meu troféu na bolsa e muitas fotos na máquina pois não é sempre que a gente vê por aí Mário Latino, Edgard Guimarães, Marcatti e muuuuita gente boa. Clique nos links a seguir para ver mais fotos do evento.

01) Palestra Da Literatura aos Quadrinhos com Bira Dantas, Marcatti, André Diniz e Laudo Ferreira Junior
02) Marcio Baraldi entrevista Marcatti, Bira Dantas, André Diniz e Laudo Ferreira Junior
03) O grande público que acompanhou a entrega do 24º Prêmio Angelo Agostini
04) A equipe da revista Menino Caranguejo recebe o troféu de Melhor Lançamento de 2007
05) Bira Dantas, Antônio Luiz Cagnin e Worney de Souza
06) Mário Latino, Anita Costa Prado e Edgard Guimarães
07) Mário Latino entrega a Anita Costa Prado o troféu de Melhor Roteirista de 2007
08) Anita Costa Prado entrevistada por Fábio Sales Agnati para o programa HQ Além dos Balões
09) Anita Costa Prado e Marcio Baraldi

(fotos 01 a 05: Manoel de Souza)
(fotos 06 a 09: Marcia Uehara)


*Anita Costa Prado é poeta e roteirista de Quadrinhos

Quem Somos | Publicidade | Fale Conosco
Copyright © 2005-2019 - Bigorna.net - Todos os direitos reservados
CMS por Projetos Web